Ata Notarial
Ata notarial é um instrumento público no qual a pedido de qualquer pessoa o tabelião ou seu preposto formaliza um documento narrando fielmente tudo aquilo que verifica com seus próprios sentidos sem emissão de opinião, juízo de valor ou conclusão, servindo a mesma de prova pré-constituída para utilização nas esferas judicial, extrajudicial e administrativa, de modo que a verdade dos fatos ali constatados, só pode ser atacada por incidente de falsidade através de sentença transitada em julgado, desta forma a ata notarial pode servir como robusto documento público para a comprovação de fatos tangíveis e intangíveis. 
 
A fé pública notarial impõe a presunção legal de veracidade, acautela direitos e previne litígios e suspeições.
 
Alguns fatos autenticáveis, que os advogados e cidadãos podem se utilizar:
 
Diálogo telefônico em sistema de viva-voz;
Troca de mensagem por whastsapp;
Comprovação da existência de conteúdos em páginas da internet;
Uso e disponibilização indevida de música (MP3);
Imagem fotográfica (foto);
Existência de mensagens eletrônicas (e-mails);
Existência e capacidade de uma pessoa natural (atestado de vida);
Declarativa;
Transmissão e exibição de programa televisivo;
Vacância ou abandono de imóvel alugado;
Existência de projeto sigiloso e atribuição de autoria (propriedade industrial);
Existência de documentários, filmes, propaganda, programas de computador e atribuição de autoria (propriedade intelectual);
Cópia e transferência de dados entre disco rígido (HD) como geração de hash;
Devolução de chaves de imóvel alugado;
existência de arquivos eletrônicos;
Compra de produto em estabelecimento comercial, etc.
Documentos necessários

Documentos pessoais, RG, CPF.

Dados para narrativa do texto.

Como são infinitas as possibilidades de utilização da ata notarial, poderão ser solicitadas a apresenção de outros documentos diante do caso concreto apresentado.

Baixar arquivo